terça-feira, 7 de julho de 2009

Adeus a Michael Jackson


Michael Jackson.


Quando o vi pela primeira vez na TV, senti uma compatibilidade extrema, soube de cara compreendê-lo. Acho que temos histórias parecidas.

Nunca tive, nem de longe, a quantidade de dinheiro que ele teve, no entanto, falo de essência, do ser interno que vem da nossa existência como ser humano.
Não acreditei das acusações que vieram à mídia, nunca estive em seu show. Uma pena! Foi falta de oportunidade, que agora sinto uma perda considerável com a sua morte. Michael é um ser insubstituível. Não há nada parecido em nosso planeta. As imitações não chegam a sua altura e quem o faz, não é perfeccionista a ponto de assemelhá-lo.
Sentirei saudades, assim como todos os fãs do mundo... Só resta um conforto... Que de onde estiver tenha tranqüilidade, leveza e harmonia, já que entre nós, esses sentimentos não foram possíveis em sua vida.

Adeus!





2 comentários:

Isa disse...

Lamento profundamente a morte de
M.Jackson Um ser humano que comoveu
plateias.Tenho grande respeito,principalmente,agora,q. ñ se pode defender.
Mas devo ser das poucas pessoas q.
ñ era fã dele...
Beijo.
isa.

Unknown disse...

宜蘭民宿
宜蘭民宿
澎湖民宿
台東民宿