sexta-feira, 17 de outubro de 2008

Descarte errôneo do Óleo usado na fritura causa poluição




Os Óleos Vegetais são consumidos em preparos de alimentos domiciliares, industriais e comerciais.

A fritura é uma operação de preparação rápida, conferindo aos alimentos fritos, características únicas de satisfação do paladar, tanto a batatinha, o torresminho e quaisquer quitutes fritos são difíceis de resistir. As frituras de um modo geral são pratos servidos diariamente na mesa de muitos brasileiros, mas, nem sempre quem prepara os alimentos sabe o que fazer com o óleo exaurido. O despejo de óleos de fritura nos esgotos pluviais e sanitários provoca impactos ambientais significativos, quando lançados diretamente no ralo ou qualquer ponto de tubulação. Na rede de esgotos os entupimentos podem ocasionar pressões que conduzem à infiltração do esgoto no solo, poluindo o lençol freático ou ocasionando refluxo à superfície. Nos corpos hídricos, em função de sua inferior densidade com a água, há tendência à formação de uma película oleosas na superfície, o que dificulta a troca de gases da água com a atmosfera, diminuindo as concentrações de oxigênio, resultando em morte de peixes e outras criaturas marinhas. Muitos não sabem, mas o Óleo usado na fritura pode ser reaproveitado Como: Saponificação, muitas donas de casa fazem sabão como contribuição na renda doméstica, Padronização para a composição de tintas, Produção de massa de vidraceiro, Produção de farinha básica para ração animal, Queima em caldeira, Produção de biodiesel, obtendo-se glicerina como subproduto. E cosméticos a partir da glicerina.

O tema do meu TCC foi sobre a Reciclagem do Óleo de Fritura, embora aparentemente soe simples, houve grande repercussão na Faculdade.




Fiz estágio de Educação Ambiental para alunos do ensino fundamental. Propositalmente, iseri a reciclagem do óleo de fritura entre os outros temas, instigando e provocando sobre os problemas do descarte incorreto, a fim de que as informações chegassem até seus pais.

O interesse dos alunos em querer contribuir e a participação de algumas mães (trazendo o óleo usado de suas casas), fizeram elaborar um meio de testar o sabão na escola. Então, agendamos a preparação do sabão na escola, mostrando a facilidade de reaproveitar o óleo e impedir que poluísse o meio ambiente.




Com o sucesso na escola e um tema de grande importância ambiental, vi que poderia usá-lo como projeto na conclusão do curso de faculdade (TCC). Montei um grupo de estudo, e além de mim, passaram a participar: Renata Resende, Marcio Alves e Marcio Couto.

O grupo organizou e preparou um roteiro tendo a faculdade como núcleo, onde precisaria da contribuição da mesma. Dentro de pouco tempo a coordenação e a direção estavam envolvidas. Eles contribuíram na disposição de espaço para a implantação de posto de coleta, cedendo banners, panfletos informativos e recipientes para recolher o óleo de descarte, vindo dos alunos e funcionários da faculdade.


O bacana é que dia da inauguração do Posto de Coleta do Óleo no pátio da Faculdade, fizemos a apresentação para os alunos e o Jornal da instituição estava lá para publicar o acontecimento.


Depois, sabendo que eu estava trabalhando com este projeto sobre o descarte do óleo, responsáveis pelo Jornal do meu bairro, me convidaram a escrever um artigo para conscientizar os moradores.





Só para completar, quero enfatizar tudo isso. Para fazer a coisa certa, vocês devem (após a fritura) armazenar o óleo em uma garrafa Pet usando o auxilio de um funil. Há vários postos de coleta espalhados em muitas cidades, o mais conhecido é o Supermercado Pão de Açúcar que recolhe de seus clientes, também há Ongs que trabalham com sabão e automaticamente necessita desse óleo.

Quem recolhe o óleo do meu bairro é a Ong Sociedade Humana Despertar

Site: http://www.shd.org.br/


Obviamente a nota do nosso projeto foi Dez, com direito a elogios, além de tudos fizemos entrevista com Vereador responsável por lei neste seguimento, e visitamos uma ETE (estação de tratamento de efluente) vista as implicações do óleo para uma estação de esgoto.



10 comentários:

Eduardo Henrique Sabino disse...

oi ... tudo bem ... achei legal a sua materia sobre a óleo de fritura ... não abusando da sua boa vontade sera que poderia me ajudar ... estou montando um blog sobre energia nuclear .... tem algum lugar na internet sobre assunto atualizado ?? obrigado ....

Carol disse...

Vcs mereciam mesmo dez, a nota nem poderia ser outra!
E tenho certeza que essa pesquisa trouxe também outros resultados positivos.
Nada melhor que a informacão para abrir os olhos e cabeca das pessoas.
Uma ótima semana!

GUILHERME PIÃO disse...

Gosto de vir aqui, cada vez aprendo mais.
Abraços

SIMÔNE SILVA disse...

Olá brigada pelas palavras, boa iniciativa de vcs para amenizar a poluição no planeta, espero que todos adiquerá sua idéia....


beijos

Eduardo Henrique Sabino disse...

Bom dia !!! Como esse mundo é pequeno .... rsrs
Que legal, conhece o Marcio Alves, Grande Amigo meu !!! Manda um abraço pra ele !!! e obrigado pela matéria !!! me ajudou muito !!!
Abraços !!!

PS: Tenha um bom dia !!!

Késia Maximiano disse...

Muito legal essa sua ideia...

O Profeta disse...

O sonho de hoje voa no amanhã
Esta terra prende-me os pés
Um fruto maduro é repasto de pássaro
Um caminho feito de lés a lés

Taça de finos aromas
Uma súplica presa na brisa da tarde
Na morada dos teus maiores desejos
Há um coração que por ti arde



Bom domingo



Mágico beijo

Eduardo disse...

Boa tarde!
Excelente o seu espaço, com uma temática bastante atual e com certeza muito útil. No meu blog eu falaria dos 4 elementos, mas em um sentido mais esotérico.
Gostaria de linkar seu espaço ao meu blog, pois ele tem tudo a ver com o que pregamos.
um abraço.

ATEFAR disse...

Peço desculpas a todos que deixaram um recadinho. Estou sem tempo e logo que puder retribuirei as mensagens.
Beijos,
Nice.

francisco disse...

Oi, Leonice! Parabéns pelo tema e pelo excelente trabalho que você fez para a conclusão do curso. Isso mostra que você é uma pessoa muito inteligente e importante para a nossa sociedade.

Um grande abraço