quinta-feira, 9 de outubro de 2008

Mobilização passa a ser mútua entre Órgãos Competentes



Hoje de manhã (09/10) saiu no Jornal Correio Popular a seguinte reportagem:

Em defesa do rio, sitiantes de Jaguariúna se juntaram, adquiriram uma área degradada e criaram a Organização Não-governamental (ONG) Amigos do Camanducaia (Amica). Em 14 anos, a associação impediu a instalação de um lixão próximo ao rio, brigou com empresas poluidoras, recuperou matas ciliares e plantou mais de 15 mil árvores, 8 mil só no Camanducaia. “Nosso trabalho ajudou a recuperar 70% da degradação verificada na década passada. A nossa ação, hoje, junta forças com outras ONGs que surgiram depois da Amica”, diz o vice-presidente, Romeu Mattos Leite.


O que tenho a dizer disso:

O esforço do grupo de sitiantes, Amigos do Camanducaia, é um exemplo a ser seguido. Somente quem mora próximo às áreas degradadas e poluídas vê os problemas mais de perto. A união e os esforços em busca de soluções na recuperação do Camanducaia fizeram a integração entre moradores, passando a mobilizar o órgão ambiental como também a política regente da cidade. Fica mais possível providenciar a recuperação das áreas degradadas, (como fizeram os sitiantes ao montar uma ONG) se a comunidade interessar e se esforçar nesta questão. Portanto, a mobilização ambiental passa a ser mútua entre órgãos competentes.

8 comentários:

Carol disse...

Leonice,
Adoro as coisas que vc escreve pq acho q servem como reflexão.
Coloquei o link do seu blog no meu para q outras pessoas possam conhecer.
Uma ótima semana!

Filó disse...

Convidou, tão simpática, vim!

E aina bem que vim. Gostei do seu espaço, levantando questões fundamentais. Papo agradável, que ajuda as pessoas na refelxão sobre o que andamos fazendo com nós mesmos.

Um grande amigo meu, ambientalista, salienta que as pessoas têm mania de dizer que estamos acabando com a natureza. Ele salienta: não, a natureza dá a volta por cima, sempre. Espécies são extintas, surgem mutações, climas mudam, surgem adaptações.
Estamos acabando não com a natureza, diz meu amigo ambientalista. Mas com a vida humana sobre este planeta.

Um abraço,

Filó

Cadinho RoCo disse...

Esta mobilização social é um exemplo de como devemos agir diante da inércia governamental porque vivemos em um país politicamente intoxicado por muitos interesses mesquinhos e adversos ao que resulta em ação competente, sobretudo na área ambiental. Que haja seriedade nessa mobilização, porque sem ela o risco é enorme. E a região de Camanducaia é linda.
Cadinho RoCo

Mariana disse...

A natureza se modifica e se renova por si só, mas se ressente de tantos maus tratos.
Um a ótima 5a.feira pra vc.

Eunice Martins disse...

oi bom dia vim retribuir a visita e conhecer seu cantinho, tudo muito interessante, desejo-lhe um bom fim de semana.

Eduardo Henrique Sabino disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Eduardo Henrique Sabino disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Eduardo Henrique Sabino disse...

Leonice,
Bom dia, abri o Correio Popular de domingo essa manhã e me deparei com seu comentário, sobre essa importante questão ambiental, muito proxima de todos nós !!! Primeiramente obrigado por descrever e trazer questões que podem ser avaliadas e resolvidas em conjunto com todas as pessoas, comunidades e orgãos envolvidos, seja por jornais, revistas .. enfim .... Continue assim .....E Obrigo pelo comentário em meu Blog em construção ( Estou muito Grato ) ..... Alias teve algum contato sobre o orgão responsavel sobre possiveis aproveitamentos ?